Image

Patagônia Argentina – 09 Dias – Ushuaia e El Calafate

IMG_1741 Decididamente esta viagem é a realização de um grande sonho!!

A sensação de quero mais e dever cumprido não tem preço.

Iniciamos a viagem por El Calafate, pois comprei a passagem muito em cima da data da viagem e não tinham mais vôos nesta data iniciando por Ushuaia, que era minha preferencia inicial. Depois da viagem feita, super indico que a viagem seja iniciada por Ushuaia. Pelo menos para os amantes do gelo.

Fomos de Aerolineas, mesmo a contra gosto. Como fevereiro é alta temporada não consegui fechar a passagem pela TAM ou pela Lan, não tinha disponibilidade ou saía infinitamente mais caro. Me surpreendi! Vôos na hora, aviões nem tão velhos assim, somente um trecho deu vontade de chorar da situação (risos). E a passagem saiu num preço ótimo para quem comprou 2 meses antes somente.

Nosso vôo era Rio/Buenos Aires e Buenos Aires/El Calafate, preço em torno de R$1600,00 ida e volta. Em Buenos Aires você pega a mala e faz a alfândega. Pois o 2o. trecho é interno/nacional. Os valores de alimento no aeroporto são uma fortuna então levem Pesos. Com as novas taxas no saque, você saca 200 pesos e paga 40 pesos de taxa.

IMG_1675

Chegamos em El Calafate às 10:30 h. No aeroporto tem transfer em micro ônibus que custa 70 pesos por pax. Eu paguei em USD que saiu em torno de USD8,00. Não consegui achar outro tipo de transporte para sair do aeroporto, nem Táxi pois o aeroporto é no meio do deserto e muitos passageiros já chegam com transfer contratado. O Remís (Táxi não oficial) saia por 210 pesos.

O Dólar é aceito em todos os estabelecimentos. Em El Calafate o Dólar estava 10:1 na loja de souvenir e oficialmente 8:1; e em Ushuaia 8:1 e/ou 09:1 dependendo do lugar.

Chegamos ao Hotel por volta de 13h. Em El Calafate não tem muitos tours de meio período. Para fazer um passeio  de meio período, ou você aluga um carro e vai até os locais turísticos ou os passeios existentes são: cavalgadas, andar de triciclo no deserto, trekking etc. Passeios mais parecidos com que temos no Brasil.

Passeios pelas geleiras todos são fullday. O passeio de triciclo pelo deserto é bem legal. Custou 380 pesos por pax.

Quando escolhi viajar para a Patagônia, a ideia era que o Perito Moreno era a coisa mais maneira a se fazer. E achei que 3 dias inteiros seriam o suficiente para visitar pelo menos os melhores roteiros. Doce ilusão claro!!

Quando chegamos lá e vimos a gama de passeios, ficamos loucos para escolher qual deles faríamos. Tivemos que eleger os que poderiam ser os melhores. Acho que acertamos de alguma forma…

Existem 3 coisas no Perito Moreno a se visitar: As passarelas e seus mirantes, passeio a pé; Fazer o Safari Náutico passeio de barco até bem perto da geleira; e o trekking de 2 h e 4 h caminhada no gelo.

Cada agência faz o tour a sua maneira. Tem passeios turísticos convencionais de 01 dia, que fazem o passeio pelas passarela pela manhã (passeio que contorna a geleira de frente) e a tarde o Safari Náutico que é um tour em um barco grande que vai até a geleira pela água.

Escolhemos o passeio GS Cultura (Glaciar Sur) que vai por dentro do parque, onde a agência Calafate Extremo é a única que tem permissão de fazer este passeio por este percurso. Todas as outras vão pela estrada. Esta agência trabalha com passeios para grupos menores.

Sai de El Calafate às 9h, indo em direção a Estância Anita no Lago Argentino, onde acontece um almoço Criollo: Legumes, batata assada e um assado acompanhado de um belo vinho na frente do Lago Roca. Fantástico!

IMG_0150 IMG_0171

Após o almoço seguimos de barco até um ponto dentro do Parque Nacional Los Glaciares. Fizemos uma caminhada de uns 500 m e pegamos outro barco para ir ver a geleira de perto.

IMG_0236 IMG_0237

Sensacional, mas como o  barco não é muito grande não se pode chegar tão perto. Fiquei com uma sensação de quero mais. Logo após fomos para as passarelas e tivemos 1:30 h para andar pelo local. Vontade de ficar horas olhando aquela paisagem e as geleiras “estourando” e indo água abaixo. Custo do passeio 980 pesos por pax.

IMG_1685IMG_1684

IMG_0237 IMG_1689  IMG_0272 IMG_0286

O passeio de trekking ao Perito Moreno tem limite de idade que vai de 16 a 65 anos, e eles não aceitam nem negociação. Caso tenha pouco tempo e queira fazer o trekking, uma boa opção seria fazer Perito Moreno em 1 só dia. O passeio com trekking pela manhã com Safari Náutico e a tarde o passeio pelas passarelas. Ganha-se tempo e é o que vale no final, apesar do barco neste passeio ser maior e ter mais gente e maior disputa para fotos, em compensação chega-se bem mais perto do Glaciar.

O passeio pelo parque é bonito mas para quem está com tempo curto e quer fazer o trekking, precisa decidir o que é prioridade. Tive que fazer o trekking no dia do vôo para Ushuaia, pois nosso vôo só saia às 16h. Pressão de como ir pois o passeio de full day não voltaria a tempo de eu ir para o aeroporto, além da decisão de quem já tinha se arrependido de não ter feito o trekking antes.

Contratei um remís (Táxi) para me levar e trazer de volta. Sai às 07h do Hostel para chegar no porto no Parque dos Glaciares às 09 h (1:30h de El Calafate/80km). Entrei em um passeio full day, fiz o trekking com Safari Náutico em um barco maior, e depois voltei direto para o aeroporto. IMG_2033 O barco te leva para o outro lado do Glaciar para efetuar a caminhada e depois você retorna ao porto ao lado das passarelas. Quem tem hora, precisa calcular pois mesmo que o trekking termine antes, o barco para retorno tem horário e sempre atrasa um pouco. O trekking é sensacional!!

IMG_0746IMG_0763 IMG_0767IMG_0755 IMG_0730IMG_0706 IMG_2117

IMG_2055 IMG_2099  IMG_2085

Imperdível!! Tempo de caminhada 1:30h. Preço do passeio ao Trekking pela Hielo & Aventura custou 670 pesos (preço normal passeio full day 800 pesos) + Remís 700 pesos ida e volta mais transfer aeroporto + 90 pesos entrada ao Parque Nacional Los Glaciares.

IMG_2176IMG_2140 IMG_2132

No passeio que fizemos GS Ventura pelo parque não se paga esta taxa por entrarmos pelo parque e não pela estrada.

Outro passeio, e este foi o mais incrível que fizemos, foi o GS Aventura que é um hike pelo Glaciar grande, com a mesma agência que fizemos o passeio ao Perito Moreno. Eles fornecem uma sacola para o almoço que cada um carrega a sua, com: um sanduíche, suco, água e uma barrinha, pois não dá para levar refeição pelo trajeto ser de difícil acesso.

Até a Estância Anita o passeio é o mesmo que o GS Cultura. IMG_0362 Na Estância pegamos um barco que vai pelo Lago Argentino cruzando o Brazo Norte que eles chamam de passeio ao lado norte.  Chegamos em um local do Parque que se inicia o hikking. São 7km para ir com algumas partes de subida que dá para cansar, e claro que assim como tudo que sobe tem que descer, tudo que vai tem que voltar… Os mesmos 7 km para voltar serão feitos, ou melhor foram feitos. IMG_0384Caminhamos durante 3 km,
depois pegamos botes motorizados pelo Lago Frías, que é um escândalo!

IMG_0402

Depois caminhamos mais 4 km, até chegar no paraíso, no Glaciar Grande. IMG_0442Além do Grande, tem mais 2 Glaciares no local. Não dá para chegar muito perto, mas o local é “sem comentários”!!

Esse passeio é novo. A agência levou 14 anos para conseguir essa concessão pelo Parque. Eles nos explicaram que na Argentina é super difícil conseguir autorizações para qualquer tipo de exploração dentro dos parques. IMG_0437Por isso não se encontra passeios de helicópteros sendo comercializados lá, e seria deslumbrante essa ideia. Custo do passeio por pax = 980 pesos, pagamos 800 pesos por termos feito os 2 passeios.
IMG_0440
 IMG_0454IMG_0478

Outro passeio que vale muito a pena foi o Viedma Ice Trekking pela agência Viva Patagônia. Custo 1350 pesos por pax. Viedma é o maior Glaciar da Patagônia Argentina. Fomos somente a um pedacinho, que já foi fantástico.

IMG_1866IMG_1862 Esse passeio faz parte do El Chalten Adventure que são duas opções para quem quer conhecer a zona de El Chalten mas não terá tempo de fazer as trilhas do Parque.

Uma das opções é ir ao Parque de ônibus na parte Norte para conhecer por um passeio de ônibus e almoçar. Depois ir de barco conhecer o Glaciar Viedma (preço 1050 pesos). Não sai do barco.

A nossa opção foi a 2a.: Vimos o Fitz Roy/El Chalten da estrada, paramos para tirar fotos e depois seguimos em direção ao Viedma. Não tem almoço incluso, por isso é necessário levar. Água também, aliás em todos os passeios levem água.  É possível encher a garrafa nos lagos, por isso não é necessário levar uma garrafa muito grande, ou até mesmo consegue-se “chupar” o gelo dos glaciares, é só cavar um pouco e o gelo debaixo é bem limpo.

Mapa Geleira Viedma

Para chegar ao local do trekking, fizemos primeiro um passeio de barco para ver o Glaciar de perto, que é super maneiro pois ficamos bem perto dos IcebergsIMG_0523, e depois saltamos para fazer o trekking. São 2 horas caminhando por cima do gelo, é fácil mas o Viedma é bem mais “montanhoso” que o Perito Moreno que é mais plano. Mas os dois são fenomenais, indescritíveis! A cor do gelo é menos translucida que o Perito Moreno e mais “suja” com restos da floresta que se acumulam quando o glaciar se forma. Este glaciar tem montanhas com vegetação ao seu redor. Esse passeio começa às 7 h e só retorna ao hotel às 21 h.

IMG_0538 IMG_1977IMG_0554 IMG_0534 IMG_0588 IMG_0540IMG_0616  IMG_0672 IMG_2004 IMG_0628

Existem muitos outros passeios que não conseguimos fazer por falta de tempo, mas seguem algumas dicas:

– Estância Cristina – Vai de 4 x 4 até a estância, lá tem um almoço local (opcional) e depois há a opção de caminhada de aproximadamente 4 km até um mirante para ver o Upsala de cima (opcional). Todos dizem que é fantástico. Preço passeio normal 780 pesos, com trekking a Upsala 1.000 pesos, adiciona mais 210 pesos de entrada e mais alguma outra cobrança que não lembro agora. Para quem quer almoçar o assado argentino adicione 240 pesos.

– Upsala Kayak Experience – Dor tremenda de não ter feito, mas a idade mínima era 18 anos e havia um integrante menor, e para sermos um grupo unido, até por que quem descobriu o passeio foi o próprio ser, não fizemos. É um passeio que você vai de barco até Upsala e lá você troca para o Kayak e navega pelos Icebergs por 2 horas. Preço 1350 pesos por pessoa. Agência Viva Patagônia.

Kayak UpSala

– Dois outros passeios que acho que valem mega a pena são: Os trekkings pelo Parque de Fitz Roy/El Chalten e o passeio à Torres Del Paine no Chile.

Torres Del Paine fica a 2:30h de El Calafate, achamos muito pesado para um passeio de ida e volta no mesmo dia, apesar de termos certeza que é lindo e vale muito a pena (Preço 920 pesos + 40 pesos entrada parque).

Trekkings pelo Parque de Fitz Roy/El Chalten dá para ir de ônibus comum que sai da rodoviária de El Calafate custa 120 pesos ida e volta, e sai às 07 e 09h e retorna o último às 16:30h. A cidade de El Chalten é linda, vale uma estada lá.

Mapa El Chalten

– Rio de Hielo – Glaciar Upsala e Glaciar Spegazzini, passeio de barco. Preço 560 pesos.

– Todos Glaciares – Glaciar Upsala, Glaciar Spegazzini e Glaciar Perito Moreno, passeio de barco. Não vai às passarelas no Perito Moreno. Preço 800 pesos + 130 entrada parque.

Dica 1: Todos os Ice Trekkings tem que fazer de bota. Em El Chalten tem uma loja que aluga botas por 70 pesos o dia. A Patagônia Shop na própria General San Martin a rua principal.

Mapa El Calafate

Dica 2: Como se anda muito, é normal ficar com bolhas e dependendo do sapato que se tem, não se consegue fazer o tour. Caso isso ocorra na véspera de algum passeio, vá ao hospital da cidade, e converse com o médico e peça um atestado comprovando que será impossível de você fazer o passeio, caso tenha que caminhar por causa das bolhas. Você não paga o passeio neste caso. Pode ir a qualquer hora, pelo menos eu fui às 23:30 h e levei 15 min para conseguir um atestado pro meu filho. Ele teve que ir para mostrar os pés.

Ficamos hospedados no Schilling Hostel, localizado na Gobernador Paradelo no. 9405. Super bem localizado, fica a 2 quadras do início da San Martin, tem uma leve ladeira mas que nada atrapalha. Dois supermercados bem perto. O preço ficou em USD 340 para 3 paxs por 4 diárias com café da manhã.

A atendente Malren que trabalha na Recepção é que nos indicou todos os passeios e todas as dicas, super agradeço a ela. Fantástica! Fechamos tudo no Hostel mesmo com ela pois não adianta tentar achar outro lugar mais barato, lá é tudo o mesmo preço, independente onde você procure. Preços tabelados, não adianta muito perder tempo procurando.

Normalmente os bares e restaurantes encerram às 23h, mas há um ou dois bares que ficam até tarde. E nessas cidades ficar aberto até 2 am já agradeça muito!! Não é difícil de achar pois tudo acontece na San Martín.

Rumo a Ushuaia… O transfer para o aeroporto custa 210 pesos no remís, a não ser que você consiga adequar a algum passeio. No aeroporto precisa pagar a taxa de embarque pois normalmente as passagens compradas no Brasil só estão inclusas as taxas dos aeroportos dos vôos internacionais. Taxa em El Calafate USD 19,77. O câmbio usado é o oficial (7,69 USD/Real). Em Ushuaia rumo a Buenos Aires paguei 56 pesos.

En El calafate não é muito necessário ter pesos, todos aceitam o USD e normalmente é benéfico pagar em USD já que a taxa de conversão é sempre maior que a oficial. E caso tenha troco a receber, você recebe em pesos (mais pesos neste caso) e serve para pagar as pequenas contas como táxi, a taxa de embarque, onde a conversão não é interessante para pagar em USD. Mas as vezes não tem solução se só se tem USD na mão.

Ushuaia é uma cidade maior, mas tudo se resume a Calle San Martín também. Nos hospedamos no Antarctica Hostel que custa 120 pesos por pax a diária em cama em dormitório com banheiro compartilhado. Super maneiro, tem armário no quarto, 4 banhos e 4 privadas no banheiro, não tem fila. Café da manhã até 11h, e é bem completo. Tem geladeira na cozinha para quem quiser passar no mercado e comprar comida para fazer no próprio Hostel, pois Ushuaia é mais caro que El Calafate; e também bem mais frio, batendo os queixos, por isso considere roupas mais quentes para Ushuaia. Gostei bastante do Hostel, conhecemos várias pessoas reclamando de hóteis em Ushuaia e pagando bem mais caro.

Ushuaia é uma cidade com isenção de taxas alfandegarias por isso deveria ser bem mais barato comprar lá, isso nem sempre é real, mas casacos vale super a pena com o câmbio do USD a 10:1. Casacos que aqui no Brasil se compra por mais de R$600, lá paguei em torno de USD160.

O câmbio eu fazia em uma loja de Souvenier na San Martín No. 245 pertinho do Hostel. Há um supermercado na Calle Governador Paz No. 190 bem pertinho também do Hostel só que para cima da cidade. Na verdade Ushuaia se anda a pé. Não senti falta de carro ou ônibus nem uma vez.

Ushuaia é bem diferente de El Calafate, não tem geleiras. Ushuaia é uma estação de ski no inverno, e disseram que é ótima. O único passeio que realmente foi indescritível foi o passeio à Pinguinera. Sem palavras!! Existem várias agências que fazem o passeio à Pinguinera, mas o único que você salta na ilha é o passeio pela Piratour. Super vale a pena a dica, reserve antes, pois chegamos lá e tentamos trocar para adequar aos passeios que queríamos fazer e já não havia muitas opções. O tour sai ás 8h e às 14h.

 Piratour

O passeio começa no Porto de Ushuaia, depois vai de ônibus até a Estância Harberton. Lá pega uma lancha rápida e chega a Isla Martillo que ficam os pinguins.

IMG_0865[1] IMG_2241

Há um caminho mapeado para se caminhar, mas os pinguins ficam muito perto, alguns atravessam na sua frente. Cuidado os pinguins avançam, por incrível que pareça. São bravos! Mas é demais… E frio também! Levem luva e casacos e gorros etc., principalmente no barco.IMG_2240

IMG_0879[1]IMG_0875[1]

Na volta na Estância Harberton visita-se um museu local que é bem interessante. IMG_2324IMG_2320

Preço 800 pesos + 80 pesos entrada Estância. Somente a Piratour faz o passeio descendo na ilha, as outras agências chegam perto há uns 3 ou 4 metros, mas não é a mesma coisa, definitivamente!

O câmbio da Piratour é 8:1, vale a pena trocar na loja de souvenier e levar em pesos argentinos.

Outro passeio que fizemos foi a Travesía Lagos 4 x 4. Preço 990 pesos. Fizemos pela agência Canal Fun & Nature, pois o atendente do Hostel nos indicou como a melhor e mais profissional. Havia uma outra por 800 pesos. A diferença era que havia um passeio de kayak que a Canal disse que faria independente do tempo, e a outra não. Na hora não aconteceu pois parte do nosso grupo não queria remar e o guia não fez muita força também, pois o Lago estava revolto mesmo. É só para deixar registrado que a regra é igual para todos no final. O caminho que fizemos de 4 x 4 foi realmente bacana, passa pelo Lago Escondido que vemos de longe, e ao final rodeamos a margem por um trajeto de uns 2 km, pelo Lago Fagnano que chamam de mar, pois pela força do vento, o Lago tem ondas como se fosse um mar mesmo.

IMG_1019[1] IMG_1044[1]IMG_1032[1] IMG_1037[1]IMG_1052[1]

Somente essa empresa faz este percurso, as outras vão pelo outro lado do Lago. Passamos por dentro do lago algumas vezes, é bem bacana o passeio. O banco da frente no carro é o mais confortável, e o guia até pede para revezar, mas na hora que atravessa o canal por dentro do Lago, entra água. Quem vai no banco de trás fica mais confortável do que quem vai na caçamba do jipe na parte de trás, mas a perna fica completamente sem espaço.

Teve um almoço incluso de um assado argentino com vinho que ocorre em uma cabana que foi muito bom. O guia excelente! Valeu muito o passeio no final das contas.

IMG_1059[1] IMG_1062[1]

Visitamos o Parque Nacional Tierra del Fuego. Paga-se 120 pesos ida e volta em uma van, e dentro do parque existem 5 pontos de parada. A van te deixa no ponto que você escolher dentro do parque. O parque é bacana para fazer trekking, as rotas perto das paradas das vans são bacanas mas nada que não se veja no Brasil, pelo contrário, temos parques maravilhosos aqui. IMG_0831Sinceramente para quem não vai fazer as trilhas aos picos, não vale perder muito tempo. Uma brasileira fez o Pico Cerro Guanaco e disse que é fantástica a trilha, apesar de “puxada”, demora-se 4 h. Paga-se 80 pesos de entrada no parque.

Normalmente você precisa dizer em que horário e ponto você quer ser buscado para voltar ao hotel. Para ir tem van de 1 em 1 h, na volta só de 2 em 2 h. Atenção: Caso você queira voltar antes ou depois do horário que você deixou combinado, vai depender de ter disponibilidade na van. Nem todas as vans que passam, são da empresa que você comprou. Precisa perguntar antes, por isso se você vai mudar o horário mostre o tíquete para facilitar a conversa para identificar de que empresa você adquiriu o tíquete.

IMG_0854IMG_0839 IMG_0843 Esse nó no caule da árvore, é um fungo que vai crescendo em torno do caule e com o tempo mata aquele caule e muitas vezes, uma só árvore tem tantos que mata a árvore. Esse nó é usado para várias peças de artesanato local.IMG_0846

Não andamos no trem pois o horário é somente pela manhã e não achamos que valia a pena pelo valor cobrado. Não recomendo contratar um tour ao parque, dinheiro jogado fora. Vá por si só de carro ou na van. Só se for para andar de kayak, vi e morri de inveja! Leve água!

Fizemos o passeio pelo Canal Beagle. Preço 380 por pax. Em torno de 4h de passeio. Faz muuuito frio!! O ponto mais maneiro do passeio é na Ilha dos Lobos onde avistamos os lobos marinhos, bem bacana. O restante do passeio é interessante pelo local e importância que tem. Tem um lanche no passeio. Paga-se 10 pesos de taxa para entrar no porto. O ideal é pagar antes do passeio começar. Este passeio tem saídas pela manhã às 8 h e pela tarde às 15 h.

Tem um passeio chamado Avistaje de Castores, que custa em torno de 600 pesos mas não tem todo dia. Eu gostaria de ter feito, deve ser bem interessante. Apesar que os castores hoje são um problema em Ushuaia. IMG_0836Levados inicialmente 25 casais para iniciar uma produção de peles, fato que não deu certo pois o castor tem uma pele dura e sem pelos, se instalaram na floresta e estão fazendo diques onde está matando a flora local, e sem predadores naturais, estão virando uma epidemia. É um passeio noturno a partir das 18h com um jantar incluso.

O único museu que visitamos foi o Museu Marítimo que por muitos anos foi o presídio da Cidade de Ushuaia (prisão militar de Ushuaia), onde era quase impossível de escapar seja pela condição climática seja pela localização geográfica de difícil acesso. Fim do Mundo!!! IMG_1080IMG_1078 IMG_1077

Dica 1: Tem uma loja na San Martín No.823 que tem uma parte off no 3o. andar de casacos que são bem mais baratos, aliás de todos os itens que a loja vende. Vale a pena checar.

IMG_2337

Dica 2: Comemos um caranguejo gigante fantástico. Você escolhe qual quer comer. Não é barato, mas decididamente estar na terra deles e não comer, não faz sentido nenhum… Foi no Freddy La Cantina Fueguina. Vale conferir! É a peso. Deixei bem uns 600 pesos para 2 pessoas.

IMG_2192 IMG_2203

Dica 3: Tem vários restaurantes com eat all you can,com assados (cordeiro, frango e carne) que custam entre 165 pesos e 180 pesos dependendo do restaurante. Comemos e foi super aprovado.

Pena que sempre acaba… Até a próxima!

4 responses to “Patagônia Argentina – 09 Dias – Ushuaia e El Calafate

  1. Olá
    Gostaria de saber se dá pra contratar passeios quando chega em Ushuaia com agencias locais ou se precisa ser adiantado.
    Obrigada.l

    Like

    • Oi Jaqueline, Fechei todos os passeios lá diretamente. Inclusive lá você consegue negociar valor, se fizer com antecedência vai pagar o preço do site. Mas é bom chegar lá e já saber mais ou menos o que quer fazer. Eu indiquei alguns passeios e agências, mas lá tem um monte dependendo do passeio que você quer. Espero que curta a viagem.

      Like

  2. Olá, muito legal o seu blog. Estou na dúvida se vale a pena passar apenas 50h em Ushuaia. Eu vou estar em El Calafate (1h20min de vôo). Chegaria em Ushuaia no dia 1 às 13h e partiria no dia 3 às 15h, ou seja apena um dia completo. O que você acha?

    Like

    • Oi Angela, Isso é muito pessoal mas eu prefiro El Calafate. O único passeio que fiz que realmente valeu a pena e é imperdível foi a visita a Pinguineira com a agência que fiz que é a única que tem concessão de pisar na praia. Mas depende do objetivo da viagem Ushuaia tem vários parques pra trilha que sao muito legais mas vc só vai ficar 2 dias pelo que está falando. Dependendo do horario vai ficar apertado mas a Pinguineira é muito legal. Mas hoje eu não iria a Ushuaia se isso fosse diminuir minha ida a El Calafate.

      Like

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s